Deck de Arena Lendária com Bruxa e PEKKA

1
Deck de Arena Lendária com Bruxa e PEKKA

Olá Royalers! Neste post vocês vão conferir um guia de utilização de um deck feito pelo jogador “poopascoopa69” e postado no reddit do Clash Royale, fiz a tradução e trouxe aqui para vocês conhecerem, espero que gostem!

O Deck fez o jogador alcançar a arena Lendária e subir bastante troféus, o deck usa as seguintes cartas:

Carta Corredores de Clash Royale - Cards Wiki Carta Bruxa de Clash Royale - Cards Wiki Carta P.E.K.K.A de Clash Royale - Cards Wiki Carta Mineiro de Clash Royale - Cards Wiki
Carta Mago Elétrico Clash Royale - Cards Wiki Carta Servos de Clash Royale - Cards Wiki Carta Raio de Clash Royale - Cards Wiki Carta O Tronco de Clash Royale - Cards Wiki

Agora vamos ao guia de utilização de cada uma das cartas, estratégia, possibilidades de combos e pontos positivos e negativos, nas palavras do jogador poopascoopa69.

O Tronco: Esta carta é auto-explicativa, usada para acabar com hordas terrestres e empurrar tropas inimigas em algumas situações. Por exemplo, quando sua PEKKA esta chegando na Torre e o adversário joga tropa na frente, então use o tronco para empurra-la e fazer a PEKKA focar na torre novamente.

Zap: Bom para usar em hordas também. Tente guarda-lo para o exército de esqueletos e Servos/Horda de Servos. Mas você também pode usar Tronco com Zap para acabar com a maioria de tropas fracas que tentem acabar com seus planos de chegar na torre e causar mais dano. Como alternativa, você também pode escolher a Bola de Fogo, Flechas, Veneno ou Tornado. Mas particularmente escolhi Tronco e Zap porque são baratas.

Mineiro: Uma condição de vitória, especialmente quando usado com o Corredor. O Mineiro é um ótimo mini tanque, jogando os servos em seguida você pode causar um pouco de dano ou forçar o adversário a gastar mais elixir. Uma alternativa para ele seria o Barril de Goblins!

Servos: Unidade aérea com pouca vida, mantenha longe das flechas, Zap, Mago ou qualquer tropa de dano em área. Esta carta tem seus pontos fracos, mas pode ser boa tanto na ofensiva, como na defensiva contra Lava Hound e Balão. Esta carta esta aqui por conta do seu custo, mas caso queria trocar, pode colocar Horda de Servos, Megasservo, Princesa ou Bebê Dragão

Mago Elétrico: Estava um pouco com receio de adicionar esta carta no deck, mas agora vejo que é uma ótima escolha que fiz. A sua habilidade de causar dano e paralisar dois alvos é incrível e somando com a capacidade de resetar alvos e recarregamento, o Mago Elétrico se torna uma das principais condições indiretas de vitória e ‘defesa’ aqui. Use ele para mudar atenção da PEKKA em o Corredor/Mineiro/Esqueletos/Servos. Mantendo a PEKKA viva e em movimento. Alternativas para ele podeme ser Mago, Executor, Valquíria e etc.

Corredor: Sua condição de vitória, uma tropa que pode causar bastante dano na torre ou forçar o adversário a gastar elixir. Bom para saltar o rio e acabar com construções no meio, destinadas a atrair a PEKKA para o meio da arena. Alternativas: Barril de Goblins, Exército de Esqueletos e Gangue de Goblins.

Bruxa: Uma boa carta para combar com várias outras deste deck, com capacidade de dano em área e boas tropas de elixir. Na defensiva pode distrair e acabar com várias cartas do meta.

PEKKA: Esta é uma outra condição de vitória para o deck. Mesmo sendo facilmente distraída é um grande tanque com capacidade de dano muito alto.

Hora do jogo…
Muitas vezes eu uso a PEKKA para acabar com Corredor ou Bárbaros de Elite. Mas eu costumo ter a Bruxa ou Mago Elétrico na arena antes de coloca-la. Enquanto eles matam o push do adversário, eu junto elixir e em seguida solto a PEKKA. Este deck é muito bom no contra ataque, surpreendendo o adversário enquanto ele não tem muito elixir, um erro e já era pra ele!
Você também pode tentar fazer um push pelas duas torres, dependendo da sua vantagem de elixir e do deck do adversário. E também usar a PEKKA para acabar com um push rumo a sua torre com eficiência e fazendo um contra ataque.

Possibilidades de combos
Bruxa + PEKKA: Comece com a Bruxa na parte de trás da torre. Solte a PEKKA quando estiver com cerca de 8 à 9 de elixir. Se você tiver com o Tronco e/ou Zap em mãos vai ser ótimo, este combo é capaz de acabar com a torre do adversário em alguns segundos e te dá a possibilidade de partir para três coroas.

Se você usar a PEKKA primeiro no push acima, você pode até usar as mesmas cartas, mas acho que a PEKKA é a carta surpresa que deve ser colocada na linha de frente no último momento, para surpreender o adversário.

Mineiro + Servos: Este é um combo clássico, que não é impossível de ser combatido, mas vale a tentativa!

Mineiro + Corredor + Servos: Bastante simples, mas irritante. Ou o adversário vai tomar muito dano na torre, ou vai gastar muito elixir, ambas possibilidades você terá vantagem.

Pontos negativos do deck: No post, o jogador poopascoopa69 fala que o ponto negativo do deck é o Mago e executor, que podem acabar com as tropas de suporte facilmente. Mas é aí que o Mineiro vem a calhar, use ele para acabar com a tropa que esteja distraindo a PEKKA ou construções dependendo do caso.

Deck de três mosqueteiras também é muito chato de lidar aqui, esta é a única carta que me colocada em modo defensivo completo, jogando Zap ou Tronco e soltar o Mineiro e Servos. Ou use os esqueletos da Bruxa para segurar o dano enquanto você solta algumas tropas por trás delas. Honestamente, eu não tenho um método muito bom para lidar com esta carta, mas considere usar o deck conforme o meta que esteja enfrentando.

Então é isto Royalers! Confiram mais dicas de decks clicando aqui!

Comentários via Facebook